Estrelas do meu céu...

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Memória tatil



Ao som de "Only when I sleep", The Corrs


O cheiro do seu corpo não sai da minha memória... percebi isso outro dia, vendo a chuva cair torrencialmente pela janela do meu quarto enquanto, sentado na cama de pernas cruzadas e meu travesseiro no colo, sentia-me  impregnado de um perfume que não era o meu... era o seu! A fragrância marinha com fundo exótico faz parte da minha pele e em cada parte do meu corpo sinto seu toque.
As gotas de chuva que caem no chão me fazem lembrar dos seus lábios molhados e do gosto do seu beijo! Minha mente começa e rodar... sinto falta de você!
Na era da informática e tecnologia, celular, internet ou redes sociais não me suprem plenamente a falta de você... me pergunto por que tem que haver distância entre aqueles que se gostam? Se é pra sentir saudade, sempre que seu corpo não está no meu, já dá saudade demais...
...
A chuva não para.  Seu cheiro recende pelo meu quarto. Meu corpo pede você!
E entre a ilusão de sentir-te em mim e ver você ao meu lado e a realidade dolorosa, abraço meu travesseiro, faço conchinha sozinho na cama e tento dormir, pedindo que a chuva leve essa solidão que me abate e me deixe apenas a alegria da certeza de te reencontrar em breve...

("chove chuva"...)

11 comentários:

Cleber Eldridge disse...

a chuva é realmente uma delicia e trás diversas lembranças e diversos momentos!

Pedacinhos de mim disse...

Nossa que saudades que eu tinha de ler estas suas palavras amigo, que saudades que tinha de me rever nas memórias que nos invadem sempre que a chuva bate na janela ou os dias são mais escuros. Só te tenho a agradecer pelo carinho que deixas no meu blog e espero poder te continuar a acompanhar como mereces. Um Grande Abraço :)

- Inês disse...

A chuva trás sempre consigo as nossas melhores, ou piores, memorias, trás aquelas que nos envadem mais a alma.

Gostei muito do blog e dos teus textos. Vou começar a seguir :)

PauloSilva disse...

Por vezes sabe tão bem reter o cheiro, ou apenas a recordação dele quando advém de um bom sentimento. A recordação está presente e (sem ser o mar) não há nada melhor para recordar :)

LUZ disse...

Bom dia Éverton,

Silverlux, seu nome, seu apanágio, sua alma, sua calma, seu íntimo, aquilo, que, de facto é, ou quer ser.
Prata, concluo, que não é exigente, em matéria de metais, preciosos ou não, mas tem "glamour", ai se tem! E depois com lux, tudo fica enquadrado, perfeito. É isso, aí.
Sou Portuguesa e Professora de Profissão, e adoro escrever e entranhar-me nas palavras dos outros e nas minhas, ou no sentido delas. Não é tarefa fácil, mas eu gosto de desafios e quando eles não são visíveis, não se mostram, não se assumem, o meu prazer e curiosidade redobram.

É Psicólogo. Já fez, decerto, o meu retrato e já entendeu a minha alma, suponho. Fico feliz e mais aliviada.
Gosto de cheiros e sabores, mas, não intensos.

Visualizei seu blog de Norte a Sul e de Oriente a Ocidente, e passo a passo e sem saber qual é o passo, o seu passo, tentei chegar a uma pequena estrada, mesmo muito pequena.
Seus textos são diversificados, interessantes, bem escritos e bem estruturados, mas, interessantemente, dúbios.

POR ESSE FACTO, ESTOU AQUI.

O AMOR, sempre o amor... mas o amor tem género e número?

Abraço.


afectosecumplicidades.blogspot.com

R Linhares disse...

"... It's reaches through my skin
Moving from the within
Clutches at my breats

But it's only when i sleep
See you in my dream
Got me spinning round and round
Turning upside down..."

Boa música, bom texto... Bonito e triste, que nem a chuva.
Beijo

Aninha Ferreira disse...

a seguir :)

Garotos Modernos disse...

olá, seu blog e super criativo, muito bacana, mas vim te fazer uma proposta, da uma passada no meu blog e se gostar pode segui-lo e comenta-lo que logo farei o mesmo beijos...

Simão disse...

Muito obrigado, é bom saber que gostou :)

PauloSilva disse...

Oi. Meu amigo, só fica longe quem quer. E quem consegue é porque não sente falta. Mas sinto-me lisonjeado pelo regresso!

Pedacinhos de mim disse...

Mais uma vez obrigado pelas palavras que deixaste no meu cantinho. Já sabes que serás sempre bem recebido. Um Abraço amigo espero que esteja tudo bem :)