Estrelas do meu céu...

domingo, 16 de janeiro de 2011

No seu "Tom"



Te completo, te organizo, te encontro (me encontro também);
Te galvanizo, te irrito, te idolatro, te percebo (e me percebo também).
Te invento e reinvento ao meu bel prazer,
E nessa criatividade delirante, me redesenho e redefino no mundo e na vida!

Sou seu moreno moleque,
Seu risonho matreiro, seu olhar certeiro...
Sou seu dengoso menino,
Seu meigo docinho (de côco, de chocolate, de leite... do que você quiser e preferir)...

Fui feito sob medida para você!
Nem demais, nem de menos...
Exatamente no ponto.

Cada músculo para você tocar,
Cada gesto para você me notar,
Cada palavra para você escutar,
Cada pensamento para me fazer delirar (e te desejar, e me apaixonar, e te amar)

Talvez não seja tudo o que você queria
Mas sou tudo o que você precisa...
Sou você no infinito em mim
E você me tem pra sempre assim!

Sou a letra que faltava na melodia,
e a melodia que não se completava nos acordes.
Sou o que completa tanta complexidade
Encaixando-me perfeitamente no seu/meu "Tom"

(do seu Tom para você entrar no tom)

2 comentários:

Anônimo disse...

To aqui lendo né, essa coisa linda, e pensando, gente, parece que já li isso em algum lugar, fui lembrar , a carta que o Chu me escreveu... aquele cachorro, eu tava bem pensando que ele tinha escrito! haha mas adorei! tô encantada com seu blog! *---*

Anônimo disse...

ahh esqueci de assinar... é a Samantha