Estrelas do meu céu...

domingo, 18 de março de 2012

Mácula em um coração puro


Ao som de "Same mistake", James Blunt

Palavras impensadas, ditas do fundo de um coração simples...
Movimentos incalculados, feitos da ignorância ainda presente na mente inquieta...
Como limpar as mãos sujas de atitudes perversas?
O peito dói de remorso... os olhos choram de tristeza...
A boca quer gritar "eu errei" para que os ventos levem aos quatro cantos a vergonha da conduta torpe...
Será que um dia o perdão santo será derramado sobre minha cabeça?
A mente refaz, caprichosamente, a cena vil...
A vergonha toma conta idiossincrática...
É tarde demais?

(desculpe por tudo o que aconteceu... não era o que eu queria)

3 comentários:

Pedacinhos de mim disse...

Grande texto, já tinha saudades de ler esta intensidade nas palavras. Nunca é tarde para voltar atrás, nunca é tarde para pedir perdão e avançar. Um Abraço

PauloSilva disse...

Meu amigo, um grande obrigado pela sua atenção. O seu grande, e imenso, abraço.

Relojoeiro disse...

Estou seguindo. O blog está muito interessante. Li alguns textos e adorei. A música é muito bonita também... É um espaço muito confortável aqui ^^
Bom, se puder poderia passar no meu?
Obrigado desde já, votos de uma boa semana.